5 dicas de como dar o feedback para a sua equipe

Manter uma equipe motivada e produtiva é um desafio. Seus funcionários vão precisar de um retorno sobre as tarefas que desenvolveram. Problemas de relacionamento profissional e pessoal também vão aparecer. É aí que deve entrar em cena o tão necessário – e muitas vezes temido – feedback.

Em tese, não deveria ser muito difícil. Basta apresentar os comentários ou problemas para o seu time, de forma concisa e justa. Na prática, as coisas mudam de figura.

É normal sentir insegurança ou receio nesse momento, mas não se preocupe. Conheça nossas dicas de como melhorar o feedback para sua equipe.

Manter uma equipe motivada e produtiva é um desafio. Seus funcionários vão precisar de um retorno sobre as tarefas que desenvolveram. Problemas de relacionamento profissional e pessoal também vão aparecer. É aí que deve entrar em cena o tão necessário – e muitas vezes temido – feedback.

Em tese, não deveria ser muito difícil. Basta apresentar os comentários ou problemas para o seu time, de forma concisa e justa. Na prática, as coisas mudam de figura.

É normal sentir insegurança ou receio nesse momento, mas não se preocupe. Conheça nossas dicas de como melhorar o feedback para sua equipe.

  1. É real, necessário e gentil?
    Parece coisa de autoajuda, mas faz muito sentido. Antes de dar feedback, positivo ou negativo, pergunte a si mesmo essas três questões:
    – Você está olhando a situação de maneira objetiva ou está sendo influenciado por impressões e conflitos superados?
    – O feedback é indispensável ou o time agiu dentro das opções possíveis?
    – Seus comentários são gentis ou podem soar agressivos e causar ainda mais problema?
  2. Seja bastante específico para melhorar o feedback
    Ao apresentar sua perspectiva para o funcionário, seja direto e mantenha o foco nas tarefas e no desempenho dele. Dizer que o “trabalho precisa melhorar” é vago e vai deixá-lo confuso.
    Ser concreto e fundamentar sua visão com dados tornará a recepção muito mais fácil. “No dia X, uma abordagem diferente do problema Y poderia ter um resultado melhor”, por exemplo, fica bem melhor.
  3. Foco no indivíduo
    Elogios ou críticas feitos em público podem desestabilizar e até constranger a equipe. Por isso, prefira as reuniões individuais, apontando os detalhes do trabalho de cada colaborador. Priorize uma atmosfera tranquila e relaxada, sem confrontos e com melhor comunicação.
  4. Ressalte o positivo
    Seu funcionário é importante para sua empresa. O objetivo de qualquer tipo de feedback é ajudá-lo a melhorar, não se esqueça disso. Reforce os pontos positivos no que ele oferece para a equipe e busque exclusivamente a crítica construtiva.
  5. Receba feedback
    O movimento é cíclico. Melhorar o feedback significa também receber feedback. De maneira clara, procure saber se a sua equipe está satisfeita com seu gerenciamento e se tem apontamentos para fazer. Dê a oportunidade de fala para os colaboradores e saiba ouvir. Acredite, isso só tem a acrescentar.

Continue buscando a melhora

O feedback não precisa ser confinado a apenas um momento ou reunião específica. Ele é mais efetivo se for um exercício contínuo, deixando a sua equipe muito mais à vontade e receptiva para seus apontamentos. Trabalhando a fundo em cada uma dessas dicas e elaborando novas estratégias, você vai melhorar o feedback em definitivo.

Fonte: https://www.santandernegocioseempresas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest